SONHOS SÃO GRATUITOS...TRANSFORMA-LOS EM REALIDADE...TEM UM PREÇO. "Quando olho para trás, vejo que hoje carrego em meu ser várias marcas de pessoas extremamente importantes. Pessoas que, no contato com elas, permitiram-me ir dando forma ao que sou, eliminando arestas, transformando-me em alguém melhor, mais suave, mais harmônico, mais integrado." Mulek.com

terça-feira, 7 de maio de 2013

CLÉLIA...POR: ALBERTO COUTO.

Por Clélia Rocha

Prólogo
Alberto Couto Filho
 
Mas...é preciso sair para FORA.
Clélia Rocha, impetuosamente, com superabundante graça pleonástica, vale-se airosamente desse vício de linguagem, no afã de expressar enfaticamente um nobre sentimento ao produzir um fruto de reconhecimento, biblicamente aceitável em nosso meio.
Clélia Rocha opõe-se a conjunções coordenativas ou subordinativas. E dai? Ela é assindética na construção de suas frases e orações, que se justapõem divinamente;
Clélia Rocha, apenas intuindo levar mais subjetividade e emoção a seus leitores, em retórica despretensiosa e intencional, exibe o seu “quê”, que não é só seu; é de Castro Alves, o lírico poeta dos escravos; é de Paulo Roberto de Almeida, autor do mini-tratado em defesa da inutilidade necessária do uso das reticências;
Clélia Rocha é árvore frutífera, arraigada e alicerçada no amor de Deus a cultivar raízes espirituais na vivência dedicada ao Senhor. Ela diz-se raiz e tem a consciência de que estando sob a terra, seus valores, motivações e necessidades são visíveis apenas pelo Criador de todas as coisas;
Clélia Rocha, permanentemente disposta a santificar-se, está ciente da sua fragilidade, mas não se vê incapaz. Ela exibe em seus escritos “o como ela é”: sem mistérios, não enigmática, transparente e verdadeira, serva temente a Deus e, como diz em tom gracioso: é uma mulher “cara limpa”;
Clélia Rocha, enfim, que assevera ter Deus como seu guia diz-se: livre, mar, areia, vento, tempo, sorriso, alegria, encontro e despedida, comparando-se a uma libélula a voejar, sem ter nenhuma pressa;
Clélia Rocha é protética-bombeiro, poetisa, baiana pessoal e espiritualmente bela, e a blogueira autora da obra-prima que ora transcrevo, duplamente honrado pelo fato de ter expressamente autorizado a sua publicação nesta minha página e ter declarado em seu blog: Estou lendo Alberto Couto Filho – Deus está sendo glorificado em nossas vidas.

ABRINDO-ME...

HOJE...preciso me DESPEDAÇAR.
Fazer sair das ENTRANHAS o PENSAR...o SENTIR...
Como LÁZARO... PRESO, com OLHOS VENDADOS, boca fechada, cheirando mal, e enclausurado em um MUNDO de MALDADE, FALSIDADE, ARROGÂNCIA, INCREDULIDADE, DESAMOR.
Às vezes...penso em não sair. Suportar o meu próprio cheiro...ainda consigo.
Jogar no meu CORPO morto...o perfume comprado...PAGO.
Mas...é preciso sair para FORA.
FILHO de DAVI! tem MISERICORDIA de NÓS!
CEGOS...à BEIRA do CAMINHO...MENDIGANDO.
DESCEMOS ao poço de JACÓ...mas, não te encontramos...tinhas ido.
Sentimos o PESO da CRUZ no teu ombro, mas te NEGAMOS três vezes.
Todos os dias...MORTE.
Crianças, adolescentes sendo criados para o crime.
Ladrões, bandidos, sequestradores...formados em DIREITO.
BOMBAS jogadas...pessoas sonhando...jogadas ao CHÃO.
As ONDAS do MAR...vem de forma impetuosa, altas demais para mim.
AQUIETA-A
PREFEREM BARRABÁS...está SOLTO.
Me ensinaste a AMAR o PRÓXIMO como a MIM mesmo...como posso?!
Sou do bem, mas...me jogam PEDRAS.
Atiram a PRIMEIRA ...querem MORTE.
Já fui SALVA... por um FIO de ESCARLATA.
Por um SANGUE passado nos UMBRAIS das PORTAS.
Por um CORDEIRO sacrificado.
Sabe quando no MONTE, TU quisestes DESISTIR de MORRER pelo HOMEM?
..."PAI! PASSA DE MIM ESTE CÁLICE"...
...Deverias ter desistido.
Não merecias à CRUZ.
Sinto muito...
O MUNDO...PREFERE BARRABÁS.
Clélia Rocha 2013

Read more: http://albertocoutofilho.blogspot.com/2013/04/abrindo-me.html#ixzz2SdXKZSNh

CORAÇÃO QUE PULSA disse...


Quero AGRADECER ao meu professor ALBERTO COUTO, por tão grande homenagem.
Chorei...
DEUS...na sua INFINITA BONDADE e AMOR...nos faz transbordar em sua PALAVRA, e dela...exalar o bom cheiro.
Falaste de mim...como sou.
Essa pequena RAÍZ...que pensando muitas vezes estar SECA...renasce com um gotejar de chuva.
Que adentra à terra...com tamanha FORÇA...que encontra o alimento...fazendo-a rasgar... explodir...GERANDO BROTO.
Essa CARA LIMPA...cujo maior OBJETIVO...é ver JESUS face a face.
Professor...
Essa, foi a melhor homenagem e carinho que recebi neste ano.
MUITO OBRIGADA.
FICOU LINDA!!!
Um abraço, fica com DEUS...sempre!
Clélia.

8 comentários:

  1. *Mário César de Abreu disse...

    Paz amado Alberto,

    Como eu sempre digo,tu tens "o dom" com as palavras,prólogo perfeito. Meus parabéns à Célia Rocha,belo e profundo poema.

    Mário
    6 de maio de 2013 17:00

    *Patricia Galis disse...

    Dizer o que de um texto deste...somete refletir e muito. Vou dar uma olhada na loja virtual.
    7 de maio de 2013 10:02

    Read more: http://albertocoutofilho.blogspot.com/2013/04/abrindo-me.html#ixzz2SdcuI2TC

    *Escritora de Artes* disse...

    Olá Caríssimo amigo Alberto,

    Um prólogo cheio de sentimentos e meus parabéns a Célia Rocha, que fez um poema belíssimo, com palavras retiradas do fundo da alma...

    Read more: http://albertocoutofilho.blogspot.com/2013/04/abrindo-me.html#ixzz2SddMIr1y

    ResponderExcluir
  2. Que lindo tia,
    parabéns n_n que Deus continue te usando, inspirando, te abençoando e abençoando mtos através de tua preciosa vida!!!
    Por isto insisto, em que nunca pare de escrever, de transbordar em palavras oq esta no coração, alcançando e tocando vidas...
    E algumas destas vidas,talvez nunca veras aqui, que estão em lugares que talvez nunca conheça, mas que foram alcançadas e tocadas por Deus através de ti...
    bjinhos!!!
    Amo-te mto!
    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nanda...
      Obrigada pelo carinho de sempre.
      Que DEUS honre tua vida, mais e mais.
      Beijos....fica com DEUS...sempre!

      Excluir
  3. Querida amiga

    Cada palavra
    que inspira
    nossa vida,
    acorda novos
    sentidos
    em nossa caminhada.

    Viver é acima de tudo,
    a arte de abraçar os sonhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aluisio...
      ABRAÇANDO os SONHOS...nossa caminhada fica mais leve.
      Um abraço, fica com DEUS.

      Excluir
  4. Oi, Clélia
    Paz
    Seu professor? Eu?
    Numa fictícia relação de proibições, poderia constar o extravaso de sentimentos reais?
    Posso asseverar que não, em se tratando de comentários ao seu estro poético, dom que procede do Trono do Altíssimo.
    Menina de Teixeira de Freitas, como o Senhor se alegra com a maestria e com o sentimento ardente dos teus feitos poéticos! Também, pudera. Foi dEle que vieram: a ideia, o movimento , a cor, a rima, o tom, o amor, o sonho e a quimera – é como se você transliterasse o que o Pai escreveu com o Seu coração...para o seu coração...benditas reticências!
    Acesse http://www.youtube.com/watch?v=POfrW7I5HcA - você compreenderá o que quero dizer e que, confesso: incompreensivelmente...as lágrimas...não estou conseguindo...
    NEle, à espera da Sua volta.
    Alberto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe, professor...
      Me DESCOBRIR aqui nesse simples blog.
      Mesmo que ninguém comente o que escrevo...continuarei. Foi aqui, através da escrita, que me vi LIVRE.
      Mesmo que o PORTUGUES...não seja bom...aprendendo a cada dia...sei que minhas palavras falam. E...falam primeiramente à mim.
      Elas...não são minhas...não me pertecem...são de todos...pois voam com o VENTO...REFRESCAM...é BRISA.
      DEUS...somente ELE...sabe o valor de tudo o que está escrito aqui.
      Louvado seja o SEU NOME.
      Obrigada pelo carinho.
      Um abraço, que DEUS te honre...sempre.
      Clélia.

      AMEI O VÍDEO...LINDO!...Obrigada.

      Excluir
    2. Errei...PORTUGUÊS....esqueci o acento...rsrsrs

      Excluir